Procurador condenado

A Justiça do Rio de Janeiro condenou o procurador de Justiça, Elio Fischberg, por falsificar documentos que levaram ao arquivamento de investigações contra o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e sua administração à frente da Companhia Estadual de Habitação (Cehab). O arquivamento possibilitou que Cunha disputasse as eleições de 2002, quando foi eleito. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

(Via: Conjur)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s