O certo é não fazer

Juiz não pode ser polêmico. Joaquim Barbosa é polêmico. Parece ter muita raiva. Durante o Mensalão ficou evidenciado isto.
Agora disse que os juízes são condescedentes com a impunidade. Isto equivale a chamar um médico de açougueiro, um motorista profissional de barbeiro ou chamar uma mulher de prostituta.
Imagino um juiz que trabalhe numa pequena comunidade, arraigada de preconceitos, tendo suas decisões e sentenças questionadas pela parte vencida. Evidente que o perdedor espalhará aos quatro cantos que o juiz estava de concluio com o vencedor.
Deve ser doído tarabalhar a semana toda longe da família e ler ou ouvir isso de um juiz do Supremo.
Parafraseando Ulisses Guimarães, não se pode julgar com o fígado e os ressentimentos na geladeira.
Desculpas não servem. o certo é não fazer, já dizia minha falecida mãe.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s