Defensor público do Piauí é preso por corrupção

Por Dulce Furtado

O defensor público do município de União, Adriano Moreti Batista, foi preso na manhã desta quinta-feira (19), por policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) dentro da Defensoria Pública no bairro dos Noivos em Teresina . Segundo o delegado Carlos Cesar, havia um processo em tramitação com o pedido de prisão preventiva do defensor, deferida pelo Desembargador Edvaldo Moura.

Adriano Moreti Batista foi preso sob a acusação do crime de corrupção ativa. O defensor estaria cobrando propina por serviços que seriam gratuitos na defensoria.

De acordo com o delegado geral Riedel Batista, as investigações contra o defensor são antigas. “É uma prisão fruto de investigações antigas. O pedido de prisão preventiva dele foi emitido na sexta-feira (13) passada e cumprida nesta quinta-feira (19)”, detalhou.

O delegado Carlos Cesar informou que a prisão foi tranquila se que o defensor não agiu contra a polícia. Além da prisão, está sendo realizado por equipes da Greco busca e apreensão na casa do defensor e em seu escritório na Defensoria Pública no município de União.

“Ele estava em reunião quando nossa equipe chegou ao loca. Ele não reagiu contra a prisão. Temos também duas equipes procurando provas de seus crimes. Dados em computador e documentos”, concluiu.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s