Caso Ana Hickmann: ‘Ação foi em legítima defesa’, diz delegado

Apesar de Gustavo Correa ter sido autuado em flagrante, o delegado Flávio Grossi entendeu que a ação foi em legítima defesa, o que de fato deixa o caso praticamente esclarecido. Ele está liberado para voltar para São Paulo onde poderá ser novamente ouvido por precatória. “O Gustavo foi autuado em flagrante no local, mas diante dos depoimentos, ficou eminente que a ação dele contra o infrator foi em legítima defesa e relaxei a sua situação no caso”, explicou o delegado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s