Tempo de glória

O advogado francês, com a veste própria, com o capelo de doutor, como sinal de independência, falando sentado diante dos juízes, perorava brilhantemente. Lachaud, advogado criminalista, exclamava:”Neste momento, e nesta tribuna, já não me chamo Lachaud, mas apenas e tão-somente sou a defesa falando…”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s